Quem sou eu

Minha foto
Manaus, Am, Brazil
Servindo ao Senhor na AICEB -Aliança das Igrejas Cristãs Evangélicas do Brasil

Segunda Igreja Cristã Evangélica de Tucurui


2ª I C E DE TUCURUI


Passando por Tucurui? Faça-nos uma visita!



Rua Maranhão, Quadra 47 Lote 15 -Getat.



Reuniões:

Domingo: 09h00 e 19h30

Terça e Quinta: 20h00




Contato: (94)9204 7575 / 8147 9793



e-mail e MSN ice2tucuruiaiceb@hotmail.com

"JESUS CRISTO NOSSO FUNDAMENTO"















sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Sobre texto de Marlom a respeito de Teologia

http://www.marlontuc.blogspot.com.br/

Bom texto para se começar uma discussão sobre Teologia. Primeiramente quero dizer que a Teologia e bela, é necessária, é a maneira de aprendermos sobre Deus e Ela é de Deus como diz o seu próprio nome (TEOLOGIA= Estudo de Deus). Não podemos esquecer que Bíblia que temos hoje é fruto da obra de homens que dedicaram a sua vida a Deus e receberam revelações diretas de Deus. E eu não poderia deixar de reconhecê-los como verdadeiros teólogos. Também precisamos lembrar que a Bíblia como a temos hoje também é obra de homens, que não acrescentaram nada às escrituras, mas tiveram a sabedoria e orientação do Espírito de Deus para discernir o que era escrito inspirado e o que não era inspirado arrolando trinta e nove livros no Velho Testamento e 27 livros no Novo Testamento, os quais consideramos plenamente inspirados pelo Espírito Santo de Deus, contudo não medimos o trabalho que estes homens tiveram, eles também eram teólogos. Hoje cada pastor, missionário, obreiro tem o dever de ser um estudante de Deus (Teólogo).


Concluo reafirmando que a teologia é bela e necessária, e se há algum problema, não está em si própria e sim em alguns homens que a desvirtuam. Classifico os teólogos em três grupos: 1º Aqueles que apenas tomam por base os escritos de outros; 2º Aqueles que se alicerçam nos seus próprios pensamentos, até consultam outros autores e a própria bíblia, todavia a palavra final é o seu próprio pensamento; 3º Aqueles que tem seus pensamentos, pesquisam outros escritos, porém fundamentam seus credos única e exclusivamente na palavra de Deus.

Pr. Raimundo Gomes da Cruz – Aprendendo sobre Deus.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

C P T - Concurso de Música - Regulamento


PROJETO “EIS AQUI O MEU TALENTO, SENHOR”


Regulamento

TÍTULO 1° - DA PROMOÇÃO:

O 1º “ EIS AQUI O MEU TALENTO , SENHOR é um concurso de música gospel dividido em  duas categorias: Interpretação solo e composição  e será promovido pelo C P T – Conselho de Pastores de Tucuruí. O Concurso será realizado no periodo de 04 de Junho a 11 de Agosto de 2012 , e reger-se-á pelos artigos e dispositivos que compõem o presente regulamento.

TÍTULO 2º - DO CONCURSO:

Parágrafo 1º - O Concurso será dividido em duas categorias: Interpretação solo e Composição.

Parágrafo 2º – Cada interprete poderá inscrever-se, individualmente, com uma musica puramente cristã de sua escolha e em língua nacional, inclusive de sua própria autoria, que será analisada pela comissão julgadora não podendo substitui-la por outra após finalização de sua inscrição.

Parágrafo 3º Cada Compositor poderá inscrever individualmente ou em parceria, uma (01) composição que será analisada pela comissão de triagem, que poderá ser apresentada pelo próprio autor ou outro interprete.

Parágrafo 4º - As composições deverão ser puramente cristãs, inéditas, que nunca tenham sido registradas em Cds, inclusive de outros festivais, filmes ou comerciais em geral, e devem vir, no ato no ato da inscrição, acompanhadas de cinco (5) cópias impressas, constando apenas o título da composição, gênero musical e a ficha de inscrição assinada pelo(s) autor(es).

Parágrafo 5º - A triagem será realizada pela comissão julgadora do festival, que será composta por nomes de reconhecida capacidade no âmbito musical, a qual será soberana em suas decisões.

Parágrafo 6º - Poderão participar do Festival, compositores, poetas, cantores e/ou intérpretes membros de Igrejas ou comunidades evangelicas, não reconhecidos profissionalmente.

Paragrafo 7º - As inscrições deverão ser realizadas em formulario próprio que estará à disposição dos candidatos na sede do Conselho de Pastores de Tucurui à Rua Santo Antonio, 402, bairro da Jaqueira e em Locais a serem divulgados posteriormente a partir do dia 04 de Junho de 2012, cujo valor será de R$ 20,00 (Vinte reais) para cada categoria.

Paragrafo 8º - O prazo para as inscrições encerrar-se-ão no dia 30 de Junho de 2012. Após esta data até o dia 05 de Julho de 2012 será publicado a ordem das apresentações nas respectivas datas . Classificar-se-ão ao final seis (06) composições e seis (06) Interpretes que disputarão a premiação.

TÍTULO 3º - DA APRESENTAÇÃO NO PALCO

Parágrafo 1º – Os candidatos obedecerão à relação que será formatada, buscando destacar em suas apresentações o ritimo a afinação e a desenvoltura no palco, sendo que a apresentação na noite final não será na ordem da classificação nas eliminatorias e sim por sorteio previo realizado pela comissão organizadora.

Parágrafo 2º - Os concorrentes poderão apresentar-se trajando, vestimenta conveniente, não sendo permitido quaisquer tipos de vestimentas que contenham dizeres a afirmações políticas, ideológicas e filosóficas que possam causar constrangimentos e ou polêmicas no âmbito do concurso.

Parágrafo 3º - Os concorrentes poderão utilizar quaisquer tipos de instrumentos musicais, cuja utilização e arranjos é de inteira responsabilidade dos autores e ou arranjadores.

Parágrafo 4º - Cada participante poderá apresentar-se uma única vez em cada categoria no festival, como intérprete ou compositor, sendo que os músicos de apoio poderão subir ao palco quantas vezes se fizer necesserário. O descumprimento deste ou quaisquer outros parágrafos deste regulamento, implicará na desclassificação da obra, sem direito às premiações previstas.

Parágrafo 5º - A Comissão Organizadora colocará à disposição dos concorrentes um sistema de sonorização e iluminação em local e horario a serem divulgados posteriormente com 20 minutos disponibilizados para cada participante, (os instrumentos e os musicos ficam sob a responsabilidade de cada participante) não havendo possibilidade de horário alternativo, sendo que o descumprimento implicará no previsto no paragrafo anterior.


TÍTULO 4º DA PREMIAÇÃO:

PARÁGRAFO ÚNICO - Os prêmios Estabelecidos para o “1º EIS AQUI O MEU TALENTO SENHOR!”, serão acompanhados de troféus:

Categoria Composição Inedita:


1º Gravação de uma Matriz de CD + Trofeu

2º Um Tablet + Trofeu

3º Um Violão Elétrico + Trofeu

Categoria Intrepretação solo

1º R$ 1.500,00 (Hum mil e quinhentos reais) + Trofeu

2º Um Tablet + Trofeu

3º Um Celular + Trofeu

TÍTULO 5º - DO JULGAMENTO

ART.1º - O Julgamento das músicas concorrentes será feito pela Comissão Julgadora, escolhida pela Comissão Organizadora, em número de cinco (05) Titulares e tres (03) suplentes, dentre pessoas de reconhecida idoneidade e capacitação no cenário artístico-musical da comunidade evangelica.

ART. 2º - Cada jurado preencherá a ficha de avaliação de acordo com o julgamento dos seguintes itens a avaliar:

1. Música

2. Letra

3. Afinação

4. Ritmo

5. Interpretação

ART. 3º - É competência do Corpo de Jurados, a escolha dos finalistas e a classificação final dos candidatos, dentre os concorrentes, ficando as suas decisões definidas e irrevogáveis.

ART. 4º - Cada jurado encaminhará sua planilha, devidamente assinada, ao digitador, o qual entregará diretamente para a comissão organizadora a planilha contendo os resultados a serem divulgados.

Obs: A comissão organizadora ficará responsável pela confecção das planilhas.

Em caso de empate será definida como melhor colocação o candidato com maior idade.

Cada item avaliado terá uma nota de 0,0 (zero) a 10 (dez) de cada jurado com sua média aritmética como total. A nota definitiva do candidato será a soma de cada nota total dos jurados dividida pelo número dos jurados.

TÍTULO 6° - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Parágrafo 1º - A Comissão Organizadora reserva-se o direito de, em qualquer etapa, excluir do evento, o(s) concorrente(s), que não respeitarem os dispositivos deste regulamento.

Parágrafo 2º - Os casos omissos ao presente regulamento serão resolvidos pela comissão organizadora do “1º EIS AQUI O MEU TALENTO SENHOR”, cujas decisões serão irrecorríveis.

Maiores Informações: Pr. Elisdeijeson (94)9121 4280, Pr. José Maria  8168 1645 e 9172 6944, Pr. Raimundo Cruz - 8147 9793 e 9204 7575

sexta-feira, 27 de maio de 2011

UBUNTU


 
"Uma pessoa é uma pessoa por causa das outras pessoas".
Ditado sul africano da tribo Ubuntu
 
A jornalista e filósofa Lia Diskin no Festival Mundial da Paz em Floripa (2006)  presenteou-nos com um caso de uma tribo na África chamada Ubuntu.

Ela contou que um antropólogo estava estudando os usos e costumes da tribo e, quando terminou seu trabalho, teve que esperar pelo transporte que o levaria até o aeroporto de volta pra casa. Sobrava muito tempo, mas ele não queria catequizar os membros da tribo, então propôs uma brincadeira pras crianças que achou ser inofensiva.

Comprou uma porção de doces e guloseimas na cidade, botou tudo num cesto bem bonito com laço de fita e tudo e colocou debaixo de uma árvore. Aí ele chamou as crianças e combinou que quando ele dissesse "já!", elas deveriam sair correndo até o cesto e a que chegasse primeiro ganharia todos os doces que estavam lá dentro.

As crianças se posicionaram na linha demarcatória que ele desenhou no chão e esperaram pelo sinal combinado. Quando ele disse "Já!" instantaneamente todas as crianças se deram as mãos e saíram correndo em direção à árvore com o cesto. Chegando lá, começaram a distribuir os doces entre si e a comerem felizes.

O antropólogo foi ao encontro delas e perguntou porque elas tinham ido todas juntas se uma só poderia ficar com tudo que havia no cesto e, assim, ganhar muito mais doces. Elas simplesmente responderam: "Ubuntu, tio. Como uma de nós poderia ficar feliz se todas as outras estivessem tristes?"

Ele ficou de cara.Meses e meses trabalhando nisso, estudando a tribo e ainda não havia compreendido, de verdade, a essência daquele povo. Ou jamais teria proposto uma competição, certo?

Ubuntu significa: Sou quem sou, por quem somos todos nós.
--
**Contato via Skype: denilson307
****************************Abracao!

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Matheus Silva da Cruz - Relatorio Março e Abril

Seminarista no Instituto Missionário Palavra da Vida
Endereço: Av. Joaquim Pereira de Queiroz N. 450 CEP: 68795-000 – Benevides– Pará
E-mail: Just_matheus@hotmail.com ou rcruzzz@uol.com.br Cel.: 94 8134 1275 / 8147 9793

Benevides, 10 Maio de 2011


Nesses dois últimos meses estive desempenhando diversos ministérios, entre eles os de evangelismo, discipulado, estudos bíblicos para jovens, adultos e crianças de rua.
No mês de março estive trabalhando na igreja Presbiteriana em Benevides, onde fiquei responsável pelos jovens e pela organização do louvor na igreja. No tempo em que passei na igreja pude desenvolver várias áreas da minha vida, uma delas, que foi o meu grande desafio, tomar a liderança e ficar responsável pelos  grupos de jovens e de louvor. Durante esse período tive o acompanhamento do Presbítero da igreja, que esteve responsável em me liderar, o qual também sempre esteve ao meu alado para me auxiliar nas dificuldades encontradas.

No mês de Março, também,  reiniciei meu curso no Instituto Missionário Palavra da Vida. Os estudos começaram a todo vapor, demorei alguns dias para me readaptar ao ritmo das aulas. Depois de ter me estabelecido no IMPV, pude acompanhar as matérias e fazer os trabalhos pedidos pela escola com mais facilidade e desempenho.

No final do mês de Março, recebi um convite para trabalhar com crianças de rua, e menores infratores em um bairro da periferia do município de Benevides. Para este ministério foi preciso entrar em contato com a diretoria da Escola e com o pastor da igreja de onde eu estava trabalhando, para pedir liberação do meu ministério atual, que era na igreja Presbiteriana em Benevides, a fim poder ir trabalhar no projeto, na periferia de Benevides. No mês de Abril fui transferido para o projeto Mãos que Criam, que recebe crianças da comunidade.

Querendo mais informações, entre em contato comigo pelo telefone 94 8134 1275(TIM) ou pelo E-mail: just_matheus@hotmail.com. Ou rcruzzz@uol.com.br
Peço que continue orando por mim, pelo meu ministério e pelos meus estudos. Fico muito grato em compartilhar um pouco da minha vida com você
Antecipadamente apresento minha gratidão a Deus e a você que tem cooperado comigo.

No amor de Cristo.

Matheus Silva da Cruz

domingo, 8 de maio de 2011

ESSA CALOU OS AMERICANOS.!!!


SHOW DO MINISTRO BRASILEIRO DE EDUCAÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS

Essa merece ser lida, afinal não é todo dia que um brasileiro dá um esculacho educadíssimo nos americanos!

Durante debate em uma universidade, nos Estados Unidos,o ex-governador do DF, ex-ministro da educação e atual senador CRISTÓVAM BUARQUE, foi questionado sobre o que pensava da internacionalização da Amazônia.

O jovem americano introduziu sua pergunta dizendo que esperava a resposta de um Humanista e não de um brasileiro.

Esta foi a resposta do Sr.Cristóvam Buarque:

"De fato, como brasileiro eu simplesmente falaria contra a internacionalização da Amazônia. Por mais que nossos governos não tenham o devido cuidado com esse patrimônio, ele é nosso.

"Como humanista, sentindo o risco da degradação ambiental que sofre a Amazônia, posso imaginar a sua internacionalização, como também de tudo o mais que tem importância para a humanidade.

"Se a Amazônia, sob uma ética humanista, deve ser internacionalizada, internacionalizemos também as reservas de petróleo do mundo inteiro.O petróleo é tão importante para o bem-estar da humanidade quanto a Amazônia para o nosso futuro. Apesar disso, os donos das reservas sentem-se no direito de aumentar ou diminuir a extração de petróleo e subir ou não o seu preço."

"Da mesma forma, o capital financeiro dos países ricos deveria ser
internacionalizado. Se a Amazônia é uma reserva para todos os seres humanos, ela não pode ser queimada pela vontade de um dono, ou de um país.
Queimar a Amazônia é tão grave quanto o desemprego provocado pelas decisões arbitrárias dos especuladores globais. Não podemos deixar que as reservas financeiras sirvam para queimar países inteiros na volúpia da especulação".

"Antes mesmo da Amazônia, eu gostaria de ver a internacionalização de todos os grandes museus do mundo. O Louvre não deve pertencer apenas à França.
Cada museu do mundo é guardião das mais belas peças produzidas pelo gênio humano. Não se pode deixar esse patrimônio cultural, como o patrimônio natural Amazônico, seja manipulado e instruído pelo gosto de um proprietário ou de um país. Não faz muito, um milionário japonês,decidiu enterrar com ele, um quadro de  um grande mestre. Antes disso, aquele quadro deveria ter sido internacionalizado.

"Durante este encontro, as Nações Unidas estão realizando o Fórum do Milênio, mas alguns presidentes de países tiveram dificuldades em comparecer por constrangimentos na fronteira dos EUA. Por isso, eu acho que Nova York, como sede das Nações Unidas, deve ser internacionalizada. Pelo menos Manhattan deveria pertencer a toda a humanidade. Assim como Paris, Veneza, Roma, Londres, Rio de Janeiro, Brasília, Recife, cada cidade, com sua beleza específica, sua historia do mundo, deveria pertencer ao mundo inteiro".

"Se os EUA querem internacionalizar a Amazônia, pelo risco de deixá-la nas mãos de brasileiros, internacionalizemos todos os arsenais nucleares dos EUA. Até porque eles já demonstraram que são capazes de usar essas armas, provocando uma destruição milhares de vezes maiores do que as lamentáveis queimadas feitas nas florestas do Brasil".

"Defendo a idéia de internacionalizar as reservas florestais do mundo em troca da dívida. Comecemos usando essa dívida para garantir que cada criança do Mundo tenha possibilidade de COMER e de ir à escola.
Internacionalizemos as crianças tratando-as, todas elas, não importando o país onde nasceram, como patrimônio que merece cuidados do mundo inteiro".

"Como humanista, aceito defender a internacionalização do mundo.
Mas, enquanto o mundo me tratar como brasileiro, lutarei para que a Amazônia seja nossa. Só nossa!"

"

DIZEM QUE ESTA MATÉRIA NÃO FOI PUBLICADA, POR RAZÕES ÓBVIAS.. AJUDE A DIVULGÁ-LA, SE POSSÍVEL FAÇA TRADUÇÃO PARA OUTRAS LÍNGUAS QUE DOMINAR.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Vende - se o que é de Deus!


 Houve uma grande apresentação na minha cidade, divulgava o nome de Jesus, o Cristo da Cruz, desejei de coração participar daquele evento, já que era em nome do meu Senhor que se reuniam, porem para mim aquelas portas estavam trancadas, minha voz não se juntaria às demais que,  por sua vez,  adoravam a Jesus no altar cercado, para passar pelos portões, mesmo sendo simples homem,  precisaria pagar a entrada no valor da metade de um mês de salário. Hah!,  meus país são pobres  e miseráveis,  e nos falta o pão  e, mesmo assim,  o louvor de Deus é vendido a um  alto preço.  Junto a mim, no lado de fora,  os cegos continuavam sem nada ver , os surdos  sem ouvir  minhas palavras de lamento, e os coxos já sem forças a rolar pelo chão, ai! Deus!  vende-se o teu louvor, e não é acessível a todos, o inimigo da minha alma  gargalha  desta moral cometida pelos que habitam na tua casa , e este promove gratuitamente grandes eventos que não glorificam o teu nome, por que os beneficiários da tua graça , mesmo tendo tanto , esses nada doam aos humildes, essa é mesmo uma sociedade selvagem e capitalista vivida por todos e todos nesses dias "e compartilhada pelos que louvam o teu nome!"

' Deiveson Cohen

terça-feira, 15 de março de 2011

Cuidado com o Ministério




“não dando nós nenhum motivo de escândalo em coisa alguma, para que o ministério não seja censurado.”
2ª Corintios 6.3

Neste texto Paulo fala de uma preocupação que precisamos ter em todos os momentos de nossa vida, cujo alvo é o “ministério” esta palavra poderia muito bem ser traduzida por “diaconato”, porém a idéia de Paulo é “todo o serviço exercido pelos crentes na esfera do reino de Deus” ou “A Obra de Cristo Através da Igreja”. O teor da Preocupação é algum escândalo que venha ser motivo de censura para esse “ministério”. Escândalo é tropeço, algo que faz alguém cair, censurado é envergonhado, achado em falta. O fato é que quando um servo cria uma situação de tropeço isto traz vergonha, não somente para o autor da situação, mas para o ministério que ele escolheu seguir. Nosso cuidado portando deve ser no sentido de analisar Cada prática nossa com cuidado, com carinho e sempre à luz da Palavra de Deus a fim de evitar os escândalos. Lembre-se. Este Ministério é o da reconciliação, foi através dele que conhecemos a Cristo e outros ainda o conhecerão.
Me entristece ver irmãos trocando ofensas e acusações de erros através da net!!! Sem duvidasm escandalo para o ministerio.